MEMORIAL GAMENSE

"Preservando a historia do futebol gamense"

Estamos pesquisando, mas confira alguns números:

                                  1976

                                Pedrinho

 

Participou dos cinco primeiros jogos da história do time do Gama pelo Torneio Incentivo em 1976, depois se transferiu para o Humaitá onde foi vice-campeão do Campeonato Brasiliense naquele ano.

  Autor do primeiro gol da história do time no jogo Gama 2 x 0 Humaitá, dia 21/02/1976 pelo Torneio Incentivo de 1976.

 

 

                                Carlinhos

 

 Revelado pela base do Coenge Carlinhos teve uma carreira curta no futebol profissional, mas marcante. 

Autor do primeiro gol do time do Gama em uma competição oficial no jogo Gama 1 x 5 Grêmio Brasiliense, no dia 27/04/1976, anotado aos 35 minutos do primeiro tempo.

                                 Galego

  Apontado por Gustavo Mariani em seu livro "Bola Federal" e na coluna "Histórias da Bola" no Jornal de Brasília como autor do primeiro gol da história do Gama em partida oficial, porém, o próprio jornalista fez uma revisão e verificou que a data deste gol foi em 11/05/1976 (Gama 1 x 4 Brasília), portanto, após o jogo entre Gama e Grêmio Brasiliense. Mas em todo caso fica aqui registrado esta homenagem a Galego que fez um golaço nesta partida. Confira Galego descrevendo como foi o gol aqui.

                                  1978

                                 Roldão

 

O Torneio Incentivo de 1977 somente teve seus jogos finais disputados em 1978, Roldão acabou sendo artilheiro nesta competição e na seguinte que iniciou imediatamente após o término do certame em atraso. Destaque-se que em1978 os dirigentes do Gama anunciaram a suspensão das atividades esportivas até a construção da sede social, porém com 3 gols dele contra o Taguatinga a diretoria mudou de idéia.

Artilheiro do Torneio Incentivo de 1977 com 6 gols.

Artilheiro do Torneio Incentivo de 1978 com 4 gols.

                                 Miguel

 

Depois de um empate em 0 a 0, coube a Miguel cobrar a última penalidade do Torneio Incentivo de 1978. O combinado com o técnico Manoel Cajueiro era que se Miguel marcasse o gol ele ficaria com a bola e o comandante com a camisa, anos mais tarde Cajueiro doou a camisa para o Memorial Gamense.

autor do gol de pênalti que deu o bicampeonato do Torneio Incentivo em 1978. Veja um dos gols dele aqui.

 

 

                                  1979

                                Péricles

 

O capitão tinha a responsabilidade de conduzir o "Escrete 79", ele era a voz do técnico Martim Francisco dentro de campo.

Artilheiro do Campeonato Brasiliense de 1979 com 10 gols.

Eleito o melhor meia-armador, artilheiro e melhor jogador em 1979 pela a ABCD.

Ouça os dois gols de Péricles na final de 1979 na narração espetacular de Antônio Jorge Rettenmaier aqui.

 

 

                          Manoel Ferreira

 

Ainda novo Manoel Ferreira mostrou muita maturidade, em 1979 dois títulos do Torneio Incentivo no currículo, conquistou o Candangão e fez os seguintes gols:

autor do primeiro gol do Gama fora de Brasília (Gama 1 x 0 Anapolina), 04/02/1979.

autor do primeiro gol do Gama em partidas internacionais (Gama 4 x 0 Nigéria), 06/12/1979).

Confira o gol dele contra o Flamengo/RJ aqui.

                             Robertinho

 

O ponta-esquerda teve a façanha de marcar o primeiro gol gamense em uma competição nacional.

Autor do primeiro gol do Gama em jogos pelo Campeonato Nacional, no jogo Gama 4 x 3 Atlético Goianiense/GO, no dia 16/09/1979.

Eleito o melhor ponta-esquerda do Campeonato Brasiliense de 1979 pela a ABCD. A única escolha unânime do ano.

Neste jogo ele marcou dois gols, confira um deles aqui.

 

 

contador